“Como foi sua aula hoje?”. No Brasil, são poucos os pais que fazem essa e outras perguntas sobre a vida escolar a seus filhos. A informação vem da Pesquisa Nacional de Saúde do Escolar, do IBGE. De acordo com os dados, um em cada quatro pais não sabe se os filhos faltaram às aulas e metade não tem o hábito de verificar seu dever de casa. 

Para combater o problema, um estudo realizado por pesquisadores brasileiros propõe uma solução criativa: envios de SMS. Ao longo de 2016, Eric Bettinger e Nina Cunha, ambos da Universidade Stanford (EUA), junto com Guilherme Lichand (Universidade de Zurique, Suíça) e Ricardo Madeira (USP), avaliaram o impacto da ideia em 286 escolas públicas do Estado de São Paulo.

O projeto que aplicou a proposta foi batizado de EduqMais e, no caso de São Paulo, foi implementado em parceria com a Secretaria Estadual de Educação. Desenvolvido pela startup social MGov Brasil, a iniciativa conta com apoio da Fundação Lemann e é, resumidamente, uma solução que utiliza SMS para engajar famílias na educação. 

Em 2016, ele foi utilizado por 19.300 pais ou responsáveis de alunos do 9º ano do ensino fundamental do estado, com resultados animadores. Estudantes cujos pais receberam comunicação via SMS apresentaram melhor desempenho nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática e maior taxa de aprovação ao final do ano letivo. Surpreendentemente, a maior parte do efeito se deveu às sugestões de atividades não curriculares para fazer com os filhos no ambiente familiar, e não às informações sobre atrasos, tarefas e frequência. 

Os pesquisadores estimam, por meio dos resultados obtidos, que, se aplicada a toda a rede, a solução tem o potencial de aumentar até 0,5 ponto no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do ensino fundamental do estado. 

“Os resultados mostram que há caminhos para avançarmos já no curto prazo em questões complexas que afetam o trabalho dos professores e o desempenho dos alunos, como o envolvimento dos pais e responsáveis”, aponta Denis Mizne, diretor executivo da Fundação Lemann. E completa: 

"Eles também mostram o quão importante é avaliar o impacto de iniciativas que são implementadas nas escolas."

Temas

Educação

Veja mais sobre a Fundação Lemann

ver todas as publicações