Conteudo Cabeçalho Rodape

Saiba mais

Indisciplina em sala de aula é uma das maiores dificuldades enfrentadas pelos docentes, caracterizada principalmente por conflitos entre alunos, bullying e violência, e está diretamente relacionada ao clima escolar de cada instituição. Nesse contexto, a pesquisa “O Clima Escolar e a Convivência Respeitosa nas Instituições Educativas” teve como objetivo desenvolver e testar instrumentos de avaliação do clima escolar, professores e diretores. Em seguida, duas escolas públicas de Ensino Fundamental II participaram de um projeto de intervenção junto aos pesquisadores, na tentativa de melhorar o ambiente das instituições selecionadas.

A melhoria do clima escolar focou em quatro objetivos principais, a criação de comunidades cooperativas, promoção de apoio aos docentes e discentes, resolução dialógica de conflitos e o estímulo à participação estudantil. Para coletar dados necessários ao desenvolvimento da pesquisa, foram construídos questionários adaptados às escolas brasileiras, direcionadas para alunos do 7º ano em diante, professores e gestores. Os questionários podem ser impressos online, e, até a publicação da pesquisa, participaram da coleta de dados 797 alunos, 243 professores e 102 gestores. Na etapa seguinte, foi realizado um programa de formação de educadores que lecionam nas séries finais do Ensino Fundamental. As duas escolas públicas selecionadas para participar do teste empírico foram as EMEFs Profª Violeta Dória Lins e Maria Pavanatti Fávaro, ambas de Campinas (SP).

A pesquisa “O Clima Escolar e a Convivência Respeitosa nas Instituições Educativas” foi liderada pela pesquisadora Telma Vinha com o apoio da Fundação Lemann e do Itaú BBA, por meio do edital “Como garantir que todos os alunos brasileiros tenham um bom professor todos os dias na sala de aula?”.

Cadastre-se para baixar o conteúdo e receber por email.