Conteudo Cabeçalho Rodape

Apesar de ser um desafio conhecido da educação no Brasil, enfrentar a evasão escolar pode atingir novos patamares com a pandemia do novo coronavírus e o fechamento das escolas. De acordo com uma pesquisa Datafolha encomendada pela Fundação Lemann, Itaú Social e Imaginable Futures, em setembro deste ano, 30% dos pais ou responsáveis têm medo de que seus filhos desistam dos estudos por causa das dificuldades impostas na pandemia, ou seja, mais de 11 milhões de alunos podem evadir da escola em 2021.

Para dar visibilidade ao tema, uma coalizão de mais de 20 entidades da sociedade civil lança, nesta sexta-feira (18), a campanha Todos Contra a Evasão Escolar. O objetivo é movimentar as redes sociais com a hashtag #todoscontraevasaoescolar, sensibilizar a sociedade sobre o problema e sugerir que incentivem os estudantes de seu círculo social a não desistirem da escola.

 A iniciativa é do Instituto Alana, BID, CIEB, Movimento Colabora, Ensina Brasil, FGV CEIPE, Fundação Grupo Boticário, Fundação Lemann, Fundação Roberto Marinho, Fundação Telefônica Vivo, Fundação Grupo Volkswagen, Grupo Globo, Iede,  Imaginable Futures, Instituto Ayrton Senna, Instituto Natura, Instituto Península, Instituto Rodrigo Mendes, Instituto Sonho Grande, Instituto Unibanco, Instituto Votorantim, Ismart, Itaú Social, Movimento pela Base, Nova Escola, Oi Futuro, Porvir, Instituto iungo, Laboratório de Educação e Vozes da Educação.

Os impactos da evasão escolar de jovens

A cada ano, o país perde R$ 371 mil por jovem que não conclui a educação básica. Isso significa uma perda total de cerca de R$ 213 bilhões por ano. O custo de oferecer toda a educação básica (pré-escola, fundamental e médio) é da ordem de R$ 90 mil por estudante. Assim, o custo da evasão por jovem supera 4 vezes o que custa garantir a sua educação básica. Os dados são de estudo inédito elaborado em parceria pela Fundação Roberto Marinho e o Insper.

Aposta nas redes sociais para dar luz à questão

Para que essa estimativa não vire realidade e que milhões de alunos não percam a oportunidade de desenvolver o seu potencial, o grupo reuniu as principais informações sobre evasão escolar em uma landing page. As mensagens podem ser compartilhadas em todas as redes sociais – Twitter, Instagram, Facebook e LinkedIn – por meio da #todoscontraevasaoescolar. Para saber mais, acesse: https://fundacaolemann.org.br/evasao-escolar.

Aprendendo Sempre

Em 2020, mais de 20 instituições do terceiro setor ligadas à Educação entenderam a urgência de uma ação e se reuniram em uma força-tarefa coordenada, para apoiar as redes públicas de ensino e garantir o direito à aprendizagem a mais de 38 milhões de estudantes. Saiba mais sobre o portfólio de soluções para apoiar gestores, professores, estudantes e famílias no modelo de aulas remoto e híbrido pós-isolamento social, criado pela coalizão Aprendendo Sempre. Para saber mais e explorar o conteúdo e soluções selecionados, acesse o site do Aprendendo Sempre.


Mais informações: 

Analítica Comunicação 

Rení Tognoni – reni@analitica.inf.br 11 99151-6164

Julia Rezende – julia.rezende@analitica.inf.br 11 99684-5604

Temas

Veja mais sobre a Fundação Lemann

ver todas as publicações